PUBLICIDADE

X

ARTIGOS

Quinta-feira, 19 de Novembro de 2020, 14h:58

Olho 533 acessos A | A

JÚLIO VIDAL

Hipnose existe sim! Parte 2

Por: Júlio Vidal

Júlio Vidal

Clique para ampliar

Júlio Vidal – Hipnólogo/Hipnoterapeuta (Hipnocáceres – Hipnose Clínica). Formação: Instituto Alberto Dell’isola, Hipnobrasil, Faculdade da Mente, Hipnotime 30.

O presente artigo retoma o tema  Hipnose Existe sim!, dessa vez explicando e resumindo o que é, para que serve e a sua utilização.

O que é Hipnose? Atenção focada e concentração em algo, uma coisa ou uma ideia. É o uso da linguagem para gerar uma nova realidade.

Para que serve a Hipnose? Serve para o entretenimento, a hipnose de entretenimento, nada mais é do que uma demonstração de hipnose com o intuito de entreter, e o palco (local), pode ser em um teatro, uma rua, ou simplesmente uma roda de amigos num churrasco. Apesar de alguns especialistas dizerem que a hipnose de entretenimento não serve para nada, eu acredito que serve para 3 coisas: Entretenimento (Lembre-se de que fazer rir é uma boa terapia); Divulgação da hipnose comprovando ser real; e deixar uma experiência positivamente inesquecível para as pessoas que participarem do show. Hoje eu trabalho como hipnoterapeuta e também faço show e palestra de hipnose (IFMT e UNEMAT), vejo claramente esses três pontos que acabei de citar, geralmente todo mundo se diverte até mesmo as pessoas a serem hipnotizadas que ficam maravilhadas com o que viveram e tornaram uma lembrança inesquecível.

Para que serve a Hipnose? Na parte clínica a Hipnose é chamada de Hipnoterapia ou Hipnose Clínica, mas o que é Hipnoterapia? A hipnoterapia (ou hipnose clínica) consiste na aplicação de técnicas hipnóticas como ferramenta terapêutica. A terapia é utilizada como auxílio para o tratamento de transtornos emocionais, físicos, psicológicos, hábitos e sentimentos indesejáveis.

Muitos problemas vivenciados são causados por eventos do passado dos quais muitas vezes nem lembramos. O papel do hipnoterapeuta é identificar esses eventos causadores e ajudar o cliente a confrontá-los, para que o transtorno possa ser tratado com eficácia e o indivíduo possa ter sua qualidade de vida de volta.

Normalmente, os resultados alcançados com a hipnoterapia são mais efetivos e rápidos que com outros métodos convencionais. Isso ocorre porque a hipnose clínica alcança a mente subconsciente do indivíduo e trata o transtorno direto em sua origem.

Se você gostou do artigo, deixe seu comentário aqui embaixo sobre o que você achou. Comente se surgiu alguma dúvida e faça mais perguntas para que eu possa responder para você.

Júlio Vidal – Hipnólogo/Hipnoterapeuta (Hipnocáceres – Hipnose Clínica)

Formação: Instituto Alberto Dell’isola, Hipnobrasil, Faculdade da Mente, Hipnotime 30.