PUBLICIDADE

X

CIDADE

Quinta-feira, 01 de Novembro de 2018, 11h:26

Olho 357 acessos A | A

TRADIÇÃO

Finados é dia de flores, lembranças e renda extra

Por: Lygia Lima – Especial para o Cáceres Notícias.

Cáceres Noticias

Clique para ampliar

É isso que faz o Sr. Hugo Bassan, de 50 anos, há pelo menos seis anos.

Uma tradição católica que remonda o século V de dedicar um dia para rezar pelos mortos, acender velas para iluminar os caminhos dos que já se foram e depositar flores nos túmulos também garante uma renda extra para muitos trabalhadores.

Com a chegada do dia de Finados, comemorado no dia 02 de novembro é possível encontrar nas ruas vendedores ambulantes com flores, e velas. Essa é uma oportunidade de ganhar um dinheiro extra. É isso que faz o Sr. Hugo Bassan, de 50 anos, há pelo menos seis anos. Ele aproveita o dia de Finados e também o dia das mães para vender vasos de flores. Nos dias que antecede Finados ele fica na praça da Cavalhada e no dia 02 de novembro vai ainda de madrugadinha para a porta do Cemitério Parque dos Ipês, em Cáceres.

“A gente trabalha vendendo banana frita durante todo o ano, mas nessas datas a gente aproveita e vende junto flores em vasos que a gente mesmo monta. É uma boa oportunidade de ganhar um dinheiro extra, a gente vende bem, principalmente no dia de finados mesmo”, explica.

Cáceres Noticias

f63b4391-8f8e-4978-94af-3e7eeaf52103.jpg

É esse sentimento que movimenta o comércio de flores e velas no dia de finados, que une a fé e a tradição.

E comprar flores é mesmo uma tradição! As senhoras Alda Fernandes de Souza e Fabiana Fernandes da Cruz, respectivamente mãe e filha, separavam diversos vasos para homenagear pessoas queridas que já morreram. “Essa é uma forma de demonstrar respeito, de lembrar, no dia de finados é o que a gente pode fazer, rezar e demonstrar nosso carinho”, diz dona Alda. Já a filha Fabiana, lembra que o bom mesmo é receber flores em vida, receber carinho em vida, mas quando as pessoas já se foram essa é uma forma de lembrar com carinho e gratidão por elas.

É esse sentimento que movimenta o comércio de flores e velas no dia de finados, que une a fé e a tradição. Em outros lugares do mundo, como o México, há a festa dos mortos, que é comemorada com muita alegria, fotos e flores, mas o sentido é o mesmo, dedicar um momento para lembrar dos que já morreram.

GALERIA DE FOTOS