PUBLICIDADE

X

MATO GROSSO

Quinta-feira, 03 de Junho de 2021, 15h:02

Olho 330 acessos A | A

VACINAÇÃO DO COVID-19

Comissão solicita 10.244 doses de CoronaVac ao Ministério da Saúde, para completar o esquema vacinal da segunda dose nos municípios

Por: Redação

Reprodução

Clique para ampliar

A Resolução n° 58 esclarece que uma das razões que levaram ao déficit de doses da CoronaVac foi a recomendação do Governo Federal quanto ao uso das remessas enviadas.

A Comissão Intergestores Bipartite de Mato Grosso (CIB-MT) aprovou resolução que solicita ao Ministério da Saúde 10.244 doses da vacina contra Covid-19 CoronaVac. Os municípios realizaram um levantamento do quantitativo de doses necessárias para completar o esquema vacinal com a segunda aplicação do imunizante.

A Resolução n° 58 esclarece que uma das razões que levaram ao déficit de doses da CoronaVac foi a recomendação do Governo Federal quanto ao uso das remessas enviadas. 

Contudo, o documento enfatiza que o déficit também pode estar relacionado à falha estratégica dos municípios durante a operacionalização da vacinação, com a utilização de segundas doses como primeiras doses.

Como forma de equalizar a situação, a Resolução detalha a quantidade de segundas doses necessárias para cada grupo prioritário em seis municípios de Mato Grosso. São eles: Apiacás (120 doses), Campo Verde (258), Cuiabá (3.216), Luciara (8), Rondonópolis (6.520) e Tesouro (122).

Conforme a Resolução, precisam de segundas doses pessoas com mais de 60 anos; pessoas com comorbidades ou institucionalizadas; profissionais da saúde e trabalhadores das forças armadas, de segurança e salvamento.  

A CIB é composta por membros do Conselho das Secretarias Municipais de Saúde (Cosems-MT) e da Secretaria Estadual de Saúde (SES-MT).


DOWNLOAD 

  • Resolução CIB nº 58 - Doses CoronaVac