PUBLICIDADE

X

POLÍCIA

Quarta-feira, 12 de Janeiro de 2022, 12h:13

Olho 2778 acessos A | A

DE RONDÔNIA

Acusado de matar e beber o sangue de vítimas é preso em MT

Djalma Campos de Figueiredo apresentou documento falso aos policiais e foi preso no Bairro Tijucal

Por: Liz Brunetto I Mídia News

Reprodução

Clique para ampliar

Djalma Campos de Figueiredo apresentou documento falso aos policiais e foi preso no Bairro Tijucal

Um assassino em série procurado no Estado de Rondônia (RO) foi preso na terça-feira (12) em Cuiabá após uma denúncia anônima. Djalma Campos de Figueiredo é acusado de cometer seus crimes com requintes de crueldade, inclusive comendo os olhos e orelhas das vítimas e bebendo o sangue delas.

Segundo a imprensa de Rondônia, Djalma é condenado por três homicídios cometidos no Município de Ji-Paraná. Ao todo, suas penas acumulam 42 anos de prisão.

Essa não foi a primeira fuga do criminoso, que em 2018 foi recapturado pela Polícia do Município.

De acordo com a Polícia Militar, a equipe foi acionada por meio de uma denúncia anônima enquanto realizava rondas pelo Bairro Tijucal.  A informação era a de que um foragido da Justiça estava escondido ali.

O homem foi encontrado em uma casa de grades abertas e sem pintura. Ele se apresentou, inicialmente, como Aparecido Almeida da Silva e chegou a entregar um documento falso aos policiais.

Desconfiados, os PMs checaram o documento e verificaram que a foto da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) era a de outra pessoa.

O homem confessou, então, que se chamava Djalma Campos de Figueiredo, não sendo possível naquele momento confirmar se aquela era de fato a identidade verdadeira dele. O suspeito foi preso por uso de identidade falsa.

Os militares entraram em contato com a Polícia de Rondônia, que confirmou que o suspeito era foragido por homicídio. O mandado de prisão dele foi expedido pela Justiça de Machadinho D'Oeste.