PUBLICIDADE

X

POLÍCIA

Quarta-feira, 21 de Agosto de 2019, 23h:44

Olho 3244 acessos A | A

FRONTEIRA

Gefron prende três pessoas com três veículos roubados que seguiam para a Bolívia

Por: Joner Campos I Cáceres Notícias

joner.campos@caceresnoticias.com.br

Divulgação I

Clique para ampliar

Durante as checagens os suspeitos disseram aos policiais que cada um dos condutores receberiam a quantia de R$ 1500 reais para levar até os veículos até a Bolívia.

Uma ação do Grupo Especial de Segurança de Fronteira (Gefron) impediu que criminosos levassem três veículos roubados para a Bolívia. O bando estava em comboio na BR 070, próximo a entrada que dá acesso a localidade das Onças, no município de Cáceres (223 km de Cuiabá-MT), quando foi abordado pelos policiais.

Os policiais do Grupo Especial de Segurança de Fronteira realizavam patrulhamento quando avistaram os veículos, sendo o primeiro uma caminhonete Toyota Hillux de cor prata placas QCG-6069 (adulterada), um Renault Oroch de cor branca, placas QQI-1134, e um Toyota Corolla de cor prata, placas QBF-1169 (adulterada).

Aos avistarem a guarnição que emitiam sinais sonoros e luminosos, os condutores não obedeceram, e empreenderam fuga em direção à fronteira da Bolívia.

Em acompanhamento aos veículos, o condutor A. V. L. L. (19 anos) do Toyota Corolla teria abandonado o veículo no acostamento e empreendido fuga pela mata, sendo capturado logo em seguida.

Em seguida os outros dois condutores foram detidos pelos policiais do Grupo Especial de Segurança de Fronteira, sendo D. G. M. (19 anos) e N. F. N. C. (21 anos).

A camionete Toyota Hillux de cor prata placas QCG-6069, estava com as placas adulteradas, e pela numeração do chassi, foi possível identificar que a mesma seria produto de roubo/furto na cidade de Santo Antônio de Leverger (MT).

Já o veículo Toyota Corolla de cor prata, placas QBF-1169 que também estava com as placas adulterada, foi checado pela numeração chassi, constatou ser produto de roubo/furto na cidade de Cuiabá.

Na checagem do veículo Renault Oroch de cor branca, placas QQI-1134, não constou como produto de roubo/furto e nem para adulteração, porém o veículo teria sido locado na cidade de São Paulo (SP), e seria vendido no país vizinho Bolívia.

Durante as checagens os suspeitos disseram aos policiais que cada um dos condutores receberiam a quantia de R$ 1500 reais para levar até os veículos até a Bolívia.

Os veículos e os suspeitos foram encaminhados a Delegacia de Fronteira em Cáceres.


Leia mais sobre este assunto