PUBLICIDADE

X

POLÍCIA

Quarta-feira, 12 de Janeiro de 2022, 19h:58

Olho 1603 acessos A | A

RECUPERADA

Hilux roubada em Cuiabá é recuperada após perseguição e troca de tiros em São José dos Quatro Marcos

Os criminosos disseram que receberiam a quantia de R$ 2 mil para levar a camionete roubada até Pontes e Lacerda.

Por: Vinicius Mendes I OD

Reprodução I PM

Clique para ampliar

Os criminosos disseram que receberiam a quantia de R$ 2 mil para levar a camionete roubada até Pontes e Lacerda.

Dois jovens, de 18 e 22 anos de idade, foram presos pela Polícia Militar nesta quarta-feira (12), em São José dos Quatro Marcos (a 309 km de Cuiabá), acusados de roubo de camionete. O crime teria ocorrido em Cuiabá e os suspeitos se dirigiam para a Bolívia, mas foram interceptados e acabaram fugindo por um matagal. Após horas de diligências eles foram encontrados.

De acordo com informações da Polícia Militar, uma denúncia anônima relatou que uma camionete Toyota Hilux seguia em alta velocidade no sentido à Bolívia. Uma equipe foi até a saída para Araputanga e fez uma barreira, no entanto, o veículo acabou furando o bloqueio policial e continuou a fuga. Os militares então iniciaram a perseguição e deram sinais para que os suspeitos parassem o veículo, mas sem sucesso.

Os bandidos continuaram fugindo, pulando todas as lombadas, até que perderam o controle do veículo, que saiu da pista nas proximidades de um ferro velho. Eles entraram em um matagal e ainda teriam efetuado um disparo de arma de fogo. Os policiais disseram que atiraram em resposta, porém, os suspeitos não foram encontrados.

A PM apurou que o veículo tinha placas de Várzea Grande e o proprietário seria morador de Cuiabá. Foi então constatado que se tratava de um veículo roubado. Dentro da camionete foram encontrados dois galões de combustível cheios e um vazio. Um guincho teve que ser chamado, já que um pneu do veículo estourou.

Em continuidade às diligências, a polícia recebeu informações de que dois homens em atitude suspeita estavam andando pela rodovia MT-175. Segundo a PM, várias denúncias foram feitas por pessoas que relataram que a dupla aparentava estar perdida, perguntando onde era a saída da cidade. Além disso, relataram que os dois estavam sujos, molhados e com escoriações nos braços.

Os militares então fora até o local indicado, mas não os encontraram, até que momentos depois receberam novas informações de que eles estavam na Comunidade Poção. Foi solicitado apoio a outra equipe da PM e também à Polícia Civil, e os suspeitos acabaram sendo localizados e detidos.

Como eles tentaram fugir, a polícia utilizou munições antimotim. Eles disseram que receberiam a quantia de R$ 2 mil para levar a camionete roubada até Pontes e Lacerda. Ele disse que, após a fuga da PM, permaneceram no mato até o amanhecer. Segundo a PM, eles teriam depois confessado que pegaram a camionete roubada em Cuiabá e iriam levar o veículo para a Bolívia.