PUBLICIDADE

X

POLITICA

Quarta-feira, 16 de Maio de 2018, 09h:45

Olho 414 acessos A | A

FUSÃO DOS CARTÓRIOS

Comissão de Cáceres consegue que AL suspenda votação de fusão de cartórios para realização de novo estudo

Por: Jardel P. Arruda/Assessoria de Imprensa

Mauricio Barbant

Clique para ampliar

Na reunião realizada na ALMT, estavam os vereadores Alencar, Creudes Castrillon, Domingos dos Santos, Elza Bastos, Jeronimo Gonçalves, Rubens Macedo Vagner Barone, Valdeniria e Zé Eduardo Torres, de representantes da sociedade civil organizada cacerense e do deputado estadual licenciado Dr. Leonardo (SD).

Comissão representantes de Cáceres conseguiu, na noite de terça-feira (15), a garantia da suspensão dos trâmites na da Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT) do projeto de lei de autoria do Tribunal de Justiça que visa a fusão de dois dos três cartórios de Cáceres. Os membros da comissão pediram um novo estudo para comprar a necessidade de elevar a Comarca de Cáceres de 3ª Entrância para Entrância Especial, para justificar a manutenção de todos os cartórios do município.

A garantia foi dada pelo presidente da ALMT, Eduardo Botelho, em reunião realizada na ALMT, com a presença dos vereadores Alencar, Creudes Castrillon, Domingos dos Santos, Elza Bastos, Jeronimo Gonçalves, Rubens Macedo Vagner Barone, Valdeniria e Zé Eduardo Torres, de representantes da sociedade civil organizada cacerense e do deputado estadual Dr. Leonardo (SD), que mesmo licenciado fez um trabalho de convencimento político. Eles também contaram com apoio do deputado estadual Guilherme Maluf (PSDB), de Cuiabá.

O projeto da fusão dos cartórios do 2º e 3º Ofício, apesar de ter sido aprovado em primeira votação, ficará suspenso enquanto a ALMT providenciará um novo estudo para verificar a necessidade de transformar a Comarca de Cáceres, atualmente de 3ª Entrância, em Entrância Especial. Pesa a favor disso o fato de a Justiça Federal ter aumentado a estrutura no município devido ao crescimento dele, em sentido oposto ao que a Justiça Estadual sugere seguir.

Mauricio Barbant

reunião cartórios.jpeg

O presidente Eduardo Botelho recomendou a comissão que tente um novo diálogo com o Tribunal de Justiça para apresentar o novo estudo quando estiver concluído.

Para o deputado Dr. Leonardo, é de suma importância que os serviços sejam expandidos no município, visto o atual crescimento do município como polo educacional e a iminência de um salto econômico.

 “Temos que garantir concurso para mais um cartório em Cáceres, nunca reduzir o serviço a população. O município precisa desse serviço. Agradeço ao presidente Eduardo Botelho por entender a importância do assunto. Cáceres é um município grande em população, grande em história e não pode ser tratado de forma diferente”, disse o deputado Dr. Leonardo.

O presidente Eduardo Botelho recomendou a comissão que tente um novo diálogo com o Tribunal de Justiça para apresentar o novo estudo quando estiver concluído.