PUBLICIDADE

X

POLITICA

Sexta-feira, 31 de Maio de 2019, 13h:15

Olho 311 acessos A | A

SANEAMENTO E ASFALTO

Em Brasília, Dr. Leonardo busca destravar recursos para obras em Cáceres

Por: Jardel Arruda

Reprodução

Clique para ampliar

Na reunião do deputado federal Dr. Leonardo (Solidariedade) e o adjunto da Secretaria de Infraestrutura e Logística de Mato Grosso, Wener Santos, nesta quarta-feira (29.05), no Ministério de Desenvolvimento Regional, em Brasília.

Destravar recursos federais que permitirão a execução de importantes obras de infraestrutura no município de Cáceres (MT). Essa foi a pauta da reunião do deputado federal Dr. Leonardo (Solidariedade) e o adjunto da Secretaria de Infraestrutura e Logística de Mato Grosso, Wener Santos, nesta quarta-feira (29.05), no Ministério de Desenvolvimento Regional, em Brasília.

O representante da região oeste do Estado articula a liberação do financiamento do Programa de saneamento junto à Caixa Econômica Federal que prevê aporte de R$ 127 milhões para rede de abastecimento de água e R$ 40 milhões para esgotamento sanitário.

A expectativa é que, com os últimos ajustes para adequar o município à Resolução nº 476, de 31 de maio de 2005, o financiamento seja formalizado até o final do ano. O próximo passo será buscar recursos para contemplar os Distritos de Nova Cáceres, Vila Aparecida, Caramujo, Horizonte D’Oeste e Clarinópolis.

Além dos investimentos em saneamento básico, Dr. Leonardo busca junto ao MDR a prorrogação de vigência do contrato 323964-84/2010 que prevê recursos para asfaltamento de 11 bairros em Cáceres. As obras foram paralisadas por determinação do ministério.

“Nos reunimos com o secretário Executivo do ministério e recebemos a garantia de que os técnicos analisam nossas demandas. Nossa luta para promover a melhoria das condições de saúde e da qualidade de vida da população urbana e rural de Cáceres continua firme. Estamos apoiando a prefeitura e governo do Estado aqui em Brasília, somando forças para melhorar a vida da população por meio de ações e empreendimentos destinados à universalização e à melhoria dos serviços públicos de saneamento básico, bem como por meio de investimentos em asfalto.”, afirmou Dr. Leonardo.