PUBLICIDADE

X

POLITICA

Sábado, 09 de Novembro de 2019, 11h:52

Olho 1531 acessos A | A

PORTO DE CÁCERES

Empresa demonstra interesse em licitação do Porto de Cáceres

Encontro entre representantes do Grupo Líneas Panchita G e o prefeito Francis Maris Cruz (PSDB) aconteceu no Paraguai no último dia 02

Por: Joner Campos I Cáceres Notícias

Reprodução

Clique para ampliar

No Paraguai o prefeito de Cáceres conheceu o diretor do grupo Líneas Panchita G, Sebastián González Arce.

Uma empresa de origem paraguaia demonstrou interesse em operar o Porto de Cáceres durante reunião com o prefeito Francis Maris Cruz (PSDB). O encontro foi realizado no último dia 02, durante viagem internacional do prefeito ao Paraguai, período em que permaneceu afastado do cargo.

O Porto Fluvial de Cáceres, às margens do Rio Paraguai, pertence à União, mas é o governo do estado de Mato Grosso quem administra. Segundo o prefeito isso está prestes a mudar. " Estamos no aguardo da assinatura do Estado para a sessão de direitos ao município. Com essa autorização nós vamos dar andamento a licitação para a empresa que deve operar o Porto de Cáceres", explicou Francis.

No Paraguai o prefeito de Cáceres conheceu o diretor do grupo Líneas Panchita G, Sebastián González Arce. O grupo está presente no Brasil com a empresa GPG Serviços Portuários, que deve concorrer à licitação do Porto de Cáceres. "Eu tive a oportunidade de conhecer o diretor da Panchita e outros representantes da empresa em um almoço que realizamos em Assunção. Eles demonstraram muito interesse em operar em Cáceres e é claro que nós ficamos felizes com a possibilidade deles concorrem à licitação", disse o prefeito.

Ao Cáceres Notícias o representante do grupo no Brasil, Luiz Crivilatti, garantiu a intenção. "Nós temos interesse sim em reiniciar a navegação do tramo norte do Rio Paraguai. Queremos concorrer na futura licitação do Porto de Cáceres e já deixamos isso muito claro para o prefeito Francis. Nós entendemos que o desenvolvimento de Cáceres depende disso e estamos comprometidos ao que compete à empresa", afirmou Crivilatti.

O Grupo Líneas Panchita G está em atividade desde os anos 70, realizando transporte de mercadorias por via fluvial, especialmente no Rio Paraguai. A empresa conta com uma frota de cerca de 80 barcaças e já fez entregas importantes para Mato Grosso, como o transporte de tubos para o gasoduto Brasil-Bolívia e de turbinas para hidrelétricas no estado.